terça-feira, 23 de janeiro de 2018

ATENÇÃO A MAIS UMA SEQUELA DAS QUEIMADAS: CAUSAM NÃO SÓ SECA E POLUIÇÃO OU PROBLEMAS RESPIRATÓRIOS (E O PROBLEMA CONTINUA AUMENTANDO SEM CONTROLE GOVERNAMENTAL)

A fumaça de queimadas pode causar além do mais câncer de pulmão publica a revista Nature Scientific Reports que está divulgando agora um estudo da USP 



Carlienne Carpaso, do site Cidade Verde, nos informa que a fumaça emitida pelas queimadas é capaz de provocar danos no DNA e desenvolver o câncer de pulmão nas pessoas. É o que alerta um estudo publicado recentemente pela Nature Scientific Reports, um estudo feito por um mutirão de pesquisadores da USP, UFRN, Fiocruz e UFRJ mostrou que a exposição à fumaça causa danos ao material genético e até mesmo provoca a morte das células pulmonares, se destacando entre os pesquisadores a piauiense Nilmara Oliveira (USP) que atualmente mora na Europa. Em entrevista ao Jornal do Piauí, Nilmara Oliveira destacou que o perigo das queimadas que vêm ocorrendo no Piauí, principalmente durante o segundo semestre (período conhecido como brobró devido as altas temperaturas e baixa umidade) tem mais alcances além da questão do meio ambiente: "A fumaça desses incêndios afeta negativamente a saúde da população. Isso acontece porque na fumaça existe material particulado; essas partículas podem atingir os pulmões e os alvéolos pulmonares, também podem ser absorvidas pela corrente sanguínea", explica a pesquisadora brasileira que vive e atua hoje na França. 


As queimadas também causam cânceres...

...em especial o câncer de pulmão



E as queimadas aumentaram 138% somente no Piauí


Nilmara Oliveira argumenta que "as partículas causam danos no DNA quando expostas em células do pulmão. Esses danos no DNA, quando não reparados, podem contribuir negativamente no desenvolvimento de algumas doenças, inclusive para o câncer de pulmão". Além das lesões no DNA, as células podem induzir autofagia (processo que indica estresse celular). Para a pesquisadora, "o Piauí está em um estado de alerta, é necessário que ocorra a diminuição dessas queimadas, pois também prejudica a saúde da população que está sendo exposta, ao ambiente, à economia, aos animais, à toda vida". 


Inferno das queimadas vistas do céu...

Um outro tipo de vítimas das queimadas
Nilmara de Oliveira, bióloga da USP


A pesquisa de Nilmara Oliveira foi financiada pelo CNPq, Rede CLIMA, FINEP e FAPESP. O título do artigo na revista Nature Scientific Reports é "Biomass burning in the Amazon region causes DNA damage and cell death in human lung cells”.
 

Foto da pesquisa da bióloga Nilmara Oliveira


(Confira na seção de comentários por aqui em nosso blog de ecologia mas informações, opiniões e mensagens, participe deste edição)


E o SUS é um SOS em termos de câncer no Brasil...


Fontes:  Nature Scientific Reports - Jornal do Piauí
              cidadeverde.com
              folhaverdenews.blogspot.com

8 comentários:

  1. Nilmara Oliveira é bióloga com pós-doutorado pela Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo. Atualmente trabalha na França em colaboração com a Agência Internacional de Pesquisa ao Câncer, com ênfase nos estudos dos impactos ambientais.

    ResponderExcluir
  2. Recentemente, na França, participou à convite da Organização Mundial de Saúde, da ONU, de uma monografia especializada para classificar o potencial carcinogênico de compostos químicos presentes no ambiente.Concentra atividades de pesquisa em projetos interdisciplinares na área de poluição atmosférica, com enfoque nos efeitos para o meio ambiente e para a saúde humana.

    ResponderExcluir
  3. Nilmara Oliveira tem reconhecimento como jovem pesquisadora com premiações nacionais e internacionais, sua especialidade está associada em desvendar os efeitos dos compostos químicos presentes no material particulado atmosférico associados com os impactos negativos na saúde, como por exemplo, o câncer de pulmão. Ainda, tem experiência em estudos de monitoramento ambiental e ocupacional, com enfoques em testes de cunho toxicológico.

    ResponderExcluir
  4. Logo mais por aqui mais informações, participe desta edição, coloque aqui sua opinião ou envie a sua mensagem para a redação do nosso blog de ecolgoia, através do e-mail navepad@netsite.com.br

    ResponderExcluir
  5. Vídeos, fotos, material de informação você pode enviar também diretamente pro e-mail do nosso editor de conteúdo deste blog, então, mande para padinhafranca603@gmail.com

    ResponderExcluir
  6. "O movimento dos cientistas e dos ecologistas avança, faltam só as autoridades implantarem uma gestão ambiental e de saúde pública no Piauí, na Amazônia, no Cerrado, no Sudeste, no Sul, em todo o país": comentário de Reinaldo Costa, de São José dos Campos, engenheiro ambiental.

    ResponderExcluir
  7. "Nilmar é ídolo do futebol, conhecdíssimo no Brasil e em todo o mundo, já a Nilmara, quem fala dela, do seu importantíssimo trabalho? Curti muito essa matéria e vou divulgá-la por aqui": comentário de Luíza Helena Bastos, de Santos (SP), que é de Recife e estudou na USP em São Paulo.

    ResponderExcluir
  8. "Partículas carregadas de toxinas, liberadas durante queimadas na Amazônia, se inaladas involuntariamente por longo período podem causar estresse oxidativo das células e danos genéticos irreversíveis, resultando até mesmo em câncer de pulmão. A descoberta é resultado de um estudo realizado por pesquisadores da Universidade de São Paulo (USP), Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN), Fundação Oswaldo Cruz e Universidade Federal de Rondônia(Ufro). A pesquisa é referente a uma tese de doutorado da bióloga Nilmara de Oliveira Alves, da USP. A equipe coletou amostras de material particulado fino em Porto Velho, uma das áreas mais afetadas pelas queimadas na região amazônica": comentário no site JCNet que João Alves Mathias, de São Paulo, advogado nos envia com fotos da poluição causada nas queimadas em canaviais do Sudeste do país.

    ResponderExcluir

Translation

translation