quarta-feira, 13 de fevereiro de 2019

RICARDO BOECHAT ERA UM BOM TEXTO TAMBÉM REPÓRTER PREMIADO EM JORNAIS E ENTÃO CLÁUDIO PETRAGLIA O LANÇOU COMO UM APRESENTADOR DE TV QUE VIRIA SER UM DOS MAIORES DA MÍDIA NO BRASIL

Na época em que ele dirigia a TV Bandeirantes no Rio de Janeiro Cláudio Guimarães Petraglia tem entre as suas variadas realizações inovadoras o lançamento de Boechat como âncora de TV e de rádio: você hoje pode aqui no blog da gente conhecer um pouco sobre o trabalho do profissional de comunicação que entre outros avanços transformou uma emissora de rádio e televisão de São Paulo na Rede Bandeirantes de TV


Este é o Cláudio Petraglia que inovou a TV...


...também ao colocar Boechat frente às câmeras




Cláudio Petraglia foi também o líder e um dos criadores da TV Cultura de São Paulo, da Fundação Padre Anchieta, ele tem uma versatilidade de formações, com uma informação múltipla da estrutura da mídia e uma série de realizações em especial no setor da televisão, não é apenas um homem de TV, contudo, pelo alcance dos estudos e dos trabalhos que ele desenvolveu é tipo um Leonardo Da Vinci dos trópicos: na trajetória deste midia man que hoje está sendo por muita gente reconhecido como quem lançou Ricardo Boechat, que de redator se tornou um dos maiores comunicadores do Brasil, há muitos avanços. A seguir veja por aqui um pouco da trajetória de Cláudio Petraglia, acima de tudo um talento inovador na comunicação, que já faz parte da história cultural do país. Vale a pena conferir, OK? 



Desde o início da televisão no país...

...ele vem inovando como com a produção brasileira de Vila Sésamo simultaneamente nas TVs Globo e Cultura


Criativo e ao mesmo tempo realizador, prático mas também inventivo, o produtor Cláudio Petraglia, que é também músico, mais recentemente fundou o Polo Rio Cine e Vídeo e com certeza não vai parar por aí. Homem multifacetal, para exemplificar isso, ele é também museólogo, pós graduado em administração pela Fundação Getúlio Vargas, pianista que fez composição e regência com Hans Joachin Koellreutter, tendo ainda cursado Televisão e Cinema na Boston University nos Estados Unidos, tendo desde a época da TV Paulista Canal 5 (formadora da Rede Globo de TV) uma muito vasta experiência no setor. Além de atuar em off em novelas e variados tipos de programas, foi diretor musical de produções importantes do teatro, como Hair, que marcou época, também, entre dezenas de peças de que participou criativamente, também como compositor e diretor musical de espetáculos como OH Que Delícia de Guerra, A Moreninha, Memória Dum Sargento de Milícias (no Teatro do Sesi). Nesse meio tempo Petraglia já havia adquirido um know how ainda maior de comunicação trabalhando como assistente de direção de produções do cinema e de filmes de TV nos States. E foi assim que lançou depois no Brasil a 1ª série de filme brasileiro para a televisão, Vigilante Rodoviário. E tem mais, muito mais na trajetória fora do comum de Cláudio Petraglia, que integra toda uma geração criativa de profissionais como Boni (José Bonifácio de Oliveira), Antônio Abujamra, Fernando Faro que mudaram os rumos da TV no Brasil. 


Sônia Braga que protagonizou o Vila Sésamo...
 ...foi trazida do musical Hair que abalou o teatro


Tendo conquistado vários prêmios em suas múltiplas atividades, até também na Itália, Cláudio Petraglia liderou a fundação da TV Cultura, transformou a Bandeirantes que era uma poderosa emissora de rádio em uma rede de TV, enfim, uma vida toda de realizações. Agora, o sucesso de Ricardo Boechat, infelizmente morto tragicamente nestes dias, é mais uma prova da visão deste profissional que o lançou e inovou o trabalho da comunicação no país. Francano de nascimento, oriundo de família siciliana, Cláudio é sobrinho do Cavaleiro Antônio Petraglia, que virou uma fundação beneficente e humanitária em Franca (SP). De Franca para o mundo, né. 

Sob sua direção a Cultura inovou a TV no Brasil


Foi mais uma inovação. Cláudio Petralgia dirigia a TV Cultura em São Paulo quando lá eu participei dum festival de telepeças: ele me sugeriu que este teleteatro (que por sinal escrevi buscando inovar a linguagem da televisão) fosse na sua montagem dirigido por Fernando Pacheco Jordão, que era naquele momento editor do telejornal da emissora:

- Padinha, Happy End será um sucesso, advinhou Cláudio.


Foi uma decisão certa: Jordão que tinha sido assistente em filmes para a TV na BBC de Londres, captou muito bem a minha proposta (que incluía misturar ficção com documentário e mostrava os bastidores duma novela ao mesmo tempo, drama e comédia, sátira da própria televisão). E aí ganhamos em 1º lugar este festival nacional de TV com a telepeça de minha autoria Happy End, o que me abriu o caminho no setor, incluindo a Globo ea Bandeirantes também. Como era ainda um tempo de governo ditatorial no Brasil, tive dezenas de problemas com a censura política, aí, além de alguns documentários para o Globo Repórter (através da Blimp Filmes), minha saída foi também criar roteiros para programas de criança, como Curumim e Catavento para a Cultura ou Vila Sésamo, na sua primeira versão nacional desta criação da Children's Television Workshop que Cláudio Guimarães Petraglia, com muita visão, trouxe para o Brasil. Vale dizer também que Cláudio (dando espaço para o também criativo cenógrafo Naum Alves de Sousa) foi o produtor dos melhores shows da grande Elis Regina. 


Melhores shows de Elis tiveram também...

...a participação criativa de Cláudio Petraglia


(Confira na seção de comentários aqui do blog mais alguns detalhes, informações e mensagens nessa pauta de hoje aqui do nosso blog de ecologia, cidadania e cultura)


O grande Ricardo Boechat começou a sua trajetória de apresentador na TV Bandeiranytes do Rio com Petraglia


Todos agora no Brasil e no exterior admiram o trabalho deste comunicador Ricardo Boechat, hoje um herói nacional da imprensa e grande personagem do jornalismo mais crítico e independente mesmo atuando na grande mídia: hoje a gente mostrou aqui quem foi o produtor (na época dirigindo a TV Bandeirantes no Rio de Janeiro) que lançou este jornalista que atuava nos bastidores, em off, como uma estrela da notícia. E então, você pode contar este fato da história da TV brasileira como mais uma inovação de Cláudio Petraglia, que com certeza deve estar preparando mais algum avanço na comunicação em nosso país que anda carecendo disso e de profissionais brasileiros que sejam  assim tão criativos, antenados e inovadores. (Antônio de Pádua Silva Padinha) 


O Polo Rio Cine Video uma de suas inovações mais recentes de Petraglia na produção de cinema e de TV



Fontes: Polo Rio Cine e Vídeo - Band - G1 - TV Cultura
              folhaverdenews.com
        


7 comentários:

  1. Há muitos outros trabalhos inovadores no caminho de Cláudio Petraglia, aguarde a seguir por aqui nesta seção comentários com mais informação, também mensagens, logo mais a edição desta seção do nosso blog.

    ResponderExcluir
  2. Você pode postar direto aqui a sua opinião ou mensagem mas se preferir ou precisar envie o conteúdo para a redação deste blog que aí postamos para você, mande neste caso pro nosso e-mail navepad@netsite.com.br

    ResponderExcluir
  3. Vídeos, fotos, material de informação, sugestões, críticas, você pode também enviar diretamente pro e-mail do nosso editor deste blog padinhafranca603@gmail.com

    ResponderExcluir
  4. "Quem bom que eu possa com esta postagem hoje homenagear além de Ricardo Boechat, jornalista e comunicador, o homem de TV que o lançou na Bandeirantes do Rio, uma das inovações de Cláudio Petralgia, com todo um know how no setor, com coragem para inovar": comentário de Antônio de Pádua Silva Padinha, nosso editor, que fará alguns posts na sua time line no Facebook para divulgar esta informação.

    ResponderExcluir
  5. "Pude acompanhar como telespectador alguns destes trabalhos citados, realmente, nem ligava eles com o nome de Cláudio Petraglia, importante que a mídia mostre o processo de produção, é uma informação a mais": comentário de Rafael mendes Silva, que faz pesquisa de Comunicação na Universidade Federal da Bahia sobre Koellreutter, que foi um mestre musical de Cláudio Petraglia.

    ResponderExcluir
  6. "Matéria oportuna, Ricardo Boechat já virou memória nas comunicações do país e para mim é uma nova informação saber como há tantos talentos nos bastidores da TV, do rádio, do teatro, da música": comentário de Izabel Morais, de São Paulo, formada em História pela Unesp.

    ResponderExcluir
  7. "Este vídeo da Band News é bem expressivo da atualidade e também do talento deste grande comunicador que teve a sorte de cruzar com Cláudio Petraglia no caminho, é a vida": comentário de Janeth Moreira, de São Paulo, bibliotecária, que atualmente escreve um livro sobre suas experiências culturais.

    ResponderExcluir

Translation

translation